"Renuncie aos desejos e encontrars o que seu corao deseja" (So Joo da Cruz).
Sobre mim

"Cristo meu nome e Catlico meu sobrenome. Um me designa, enquanto o outro me especifica. Um me distingue, o outro me designa. por este sobrenome que nosso povo distinguido dos que so chamados herticos" (So Paciano de Barcelona).

Regina Caeli
(Rainha do Cu)


Rogai por ns!

Link-me



Igreja Catlica Apostlica Romana

A Igreja de Cristo forte e mesmo que um milho de inimigos se levantem contra ela, outros tantos, homens de vossa dextra poderosa sero suscitados para combater as heresias e guardar a f inviolada da Madre Igreja Una, Santa, Catlica e Apostlica.

Santo Elias


Padroeiro do Blog!

Goodies

Ilustradores de post
Plaquinhas

Papa Bento XVI


"E eu te declaro: tu s Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja; as portas do inferno no prevalecero contra ela" (Mat 16, 18).

Arquivos

A Igreja Catlica e a cincia I
A Igreja Catlica e a cincia II
Cristo na Eucarstia
Cruz de Jesus Cristo
Gnero: o que isso?
Intolerncia catlica
Matrimnio cristo
Mitos sobre a Igreja Catlica I
Mitos sobre a Igreja Catlica II
Modstia no vestir
O caso Galileu
Os dez mandamentos
Padres pioneiros cientficos I
Padres pioneiros cientficos II
Primado de Pedro
Santa Missa
Sem sacrifcios?

Defesa da Vida

Clique

Vdeos

Antropotesmo
Conclio Vaticano II
Devoo Santssima Virgem
Evolucionismo
Existncia de Deus
Histria da Igreja Catlica
Idade Mdia
Liberalismo
Orao Mental
Romantismo
Sacrifcio da Missa

Santa Joana dArc


Padroeira do Blog!

Artigos

Conclio Vaticano II
Feminismo e marxismo
Iluminismo
Martinho Lutero
Nova Missa
O primado do papa
Protestantismo II
Pureza
Santo Rosrio
Sensualidade

Award



Linkage

A Grande Guerra + Caifarsa + Montfort + So Pio V

Crditos e Etc

Dirio da Tati


Santa Missa

Nosso assunto versará sobre a Santa Missa, pois para que possamos assistí-la com reverência e tirar dela maior proveito para nossa vida espiritual precisamos saber o que ela é.

A Missa é o sacrifício incruento do calvário. Porém, o sacrifício de Cristo foi suficiente para pagar as nossas dívidas com Deus (Hebreus 10, 10-14).

Na última ceia Jesus antecipou seu sacrifício, instituindo-o como perpétuo, através do oferecimento de seu corpo e sangue. O mesmo corpo morto na cruz e o mesmo sangue derramado foram distribuídos aos apóstolos, numa verdadeira antecipação do sacrifício. Além disso, Nosso Senhor tornou-o perpétuo, quando mandou: "Fazei isto em memória de mim" (Lucas 22, 19).

o se trata de um novo sacrifício, eis que o de Cristo foi definitivo e suficiente, mas o mesmo sacrifício tornado presente pelos apóstolos, seus sucessores e os colaboradores destes. O sacrifício de Jesus foi oferecido na cruz, antecipado na última ceia e é tornado novamente presente em cada Missa celebrada. Ceia, Cruz e Missa são o mesmo e único sacrifício de Cristo!

Esse é o significado, portanto da Santa Missa: é o mesmo único e suficiente sacrifício de Nosso Senhor Jesus Cristo, oferecido de uma vez por todas, ao Pai, na cruz do calvário, pelo perdão de nossos pecados, tornado real e novamente presente, ainda que de outro modo, incruento (sem sangue), no altar da Igreja pelas mãos do sacerdote. Não repetimos, uma nova morte de Cristo, mas a mesma e única, porém de modo incruento no altar da Igreja, pois para Deus não há limite de espaço ou tempo. 



Por Dia || 20h25  ||